quinta-feira, 14 de junho de 2012

O cachorro é mais do que o melhor amigo do homem




Você sabe o que é um cão-guia? É uma espécie de super-herói, que vive para ajudar pessoas com deficiência visual. Os cães treinados ajudam o cego a se locomover pela cidade, desviar de buracos, parar quando veem que um carro se aproxima e atravessar as ruas.


Diversas raças exercem esse nobre papel, mas aqui, no Brasil, os labradores são os mais utilizados. Eles são escolhidos ainda filhotes, quando os treinadores testam seu potencial para se tornarem guias. Se forem bem avaliados, entram para o time de heróis caninos.


Aos 2 meses de idade, o cão é entregue a uma família voluntária, que o ensinará a conviver com as pessoas e com a rotina do dia a dia. Quando completa 1 ano, volta ao centro de treinamento, é avaliado novamente e, se estiver apto, física e mentalmente, começa a ser preparado. Aprende desde comandos básicos, como sentar e deitar, até desviar de obstáculos e circular pela cidade de forma segura.


Quando está preparado, o animal é doado a um deficiente visual. Junto com ele, vão equipamentos específicos, que combinam a altura do dono e do cão, para que eles tenham uma sintonia perfeita e o animal consiga de fato ajudar a pessoa a se locomover.


Os cães-guias devem ser tratados como um cão de estimação e precisam de atenção especial para a higiene, já que convivem diretamente com as pessoas e frequentam lugares como restaurantes e até aviões. Ele é ou não é um super-herói?


Créditos: Bruno Okada (ilustração);
Nádia Mariano (texto)


Fonte: George Thomaz Harrison, fundador da Cão-Guia Brasil (RJ)

Nenhum comentário:

Postar um comentário